No último domingo, a Holanda enfrentou a República Tcheca em Budapeste, em busca de uma vaga nas quartas de final da Euro 2020. A expectativa era de um jogo equilibrado, já que ambas as equipes tinham feito uma boa fase de grupos.

No entanto, o que se viu foi um jogo surpreendente, com a Holanda mostrando sua superioridade desde o início da partida. Logo aos 10 minutos, Memphis Depay abriu o placar para os holandeses, em um belo chute de fora da área.

A República Tcheca tentou responder, mas a defesa holandesa se mostrou muito sólida, neutralizando as principais jogadas dos tchecos. Aos 42 minutos, mais um gol dos holandeses, desta vez com um belo chute de Wijnaldum, ampliando a vantagem para 2 a 0.

No segundo tempo, a República Tcheca voltou mais ofensiva, mas encontrou uma Holanda muito bem organizada defensivamente. Aos 68 minutos, o técnico tcheco Jaroslav Silhavy fez algumas alterações na equipe, tentando mudar o rumo do jogo.

No entanto, aos 80 minutos, a Holanda liquidou o jogo, com um gol de Malen, que entrara no lugar do autor do primeiro gol, Depay. A República Tcheca ainda tentou diminuir o placar, marcando um gol aos 93 minutos, mas era tarde demais.

Com a vitória por 3 a 1, a Holanda avança para as quartas de final da Euro 2020, onde enfrentará a seleção do País de Gales. Já a República Tcheca, que fez uma bela campanha na fase de grupos, se despede da competição.

Entre os destaques da partida, podemos destacar a ótima atuação do meio-campista holandês Frenkie de Jong, eleito o melhor jogador em campo. Além disso, o técnico Frank de Boer mostrou mais uma vez seu bom trabalho à frente da seleção holandesa, que agora vive a expectativa de chegar longe na competição.

Em resumo, a Holanda surpreendeu a todos com uma vitória convincente sobre a República Tcheca nas oitavas de final da Euro 2020. Agora resta saber se a equipe holandesa conseguirá manter o bom desempenho nas próximas fases da competição.